COMENTÁRIOS ANÔNIMOS

Em função do grande número de spam e mensagens ofensivas,
comentários anônimos infelizmente não são mais permitidos neste blog.

A respeito das críticas quanto à credibilidade das informações em nossos
artigos, vale notar que todos possuem referências bibliográficas.
Nosso principal objetivo é abordar assuntos que carecem de fontes seguras
na internet e ajudar na pesquisa de quem busca por eles.

Zumbis




É evidente que foi aberta a porta para que as fantasias do mundo sobrenatural saíssem e entrassem em contato com a nossa realidade. Depois de livros, filmes e séries sobre vampiros, lobisomens e quaisquer outros tipos de anjos ou demônio vieram os zumbis marcando sua presença com o decorrer o tempo - do épico videoclipe Thriller do eterno rei do pop Michael Jackson, lançado em meados dos anos 80, até uma das séries de maior destaque da atualidade, The Walking Dead.

Existem pessoas que levam o assunto a sério e afirmam, com toda convicção, que o mundo irá acabar e a raça humana será definitivamente extinta graças a um futuro apocalipse zumbi. Os mortos-vivos deixaram de ser medíocres criaturas de filmes de terror para conquistar milhares de fãs no mundo inteiro. Vale ressaltar que a estética dos mesmos passou a ser admirada e, inclusive, copiada – hoje em dia, há passeatas com essa temática. Mas afinal, qual é a verdadeira origem desses seres?

Tudo começa com o vodu, ou seja, com a magia negra, uma bruxaria considerada da pesada. Baseado em rituais de possessão com origens africanas, trata-se de um tipo de culto religioso praticado nas ilhas caribenhas, as Antilhas, e principalmente no Haiti. Para aqueles que praticam vodu, o zumbi seria uma espécie de morto-vivo fabricado por feiticeiros que ressuscitam um cadáver, para transforma-lo, assim, em um trabalhador braçal sem vontade própria.
Porém, o assunto foi estudado a fundo por um cientista, o antropólogo e etnobotânico canadense Wade Davis, que descreveu sua temporada vivida no Haiti em dois livros: A Serpente e o Arco-Íris (1986), adaptado para o cinema por Wes Craven (famoso pela série A Hora do Pesadelo), e Passage of Darkness (1988, inédito no Brasil).
Após analisar, Davis chegou à conclusão de que
usavam um pó à base de uma neurotoxina (substância danosa ao sistema nervoso) encontrada em peixes como o baiacu. Sua narrativa teve impacto na comunidade científica, mas foi rejeitada pela maioria, chegando, por fim, a nenhum resultado definitivo.


Não se pode dizer ao certo qual é o significado da palavra zumbi. Mas pode ser por causa dos termos nzambi ou nzumbi, que, em alguns idiomas do oeste africano, significam divindade ou espírito ancestral

• Zumbis no cinema

Muitos filmes resolveram retratar determinadas situações, abordando esse tema, cada um, com sua própria história. Segue-se uma lista com alguns:

     

Zumbi Branco (White Zombie) de 1932. Pode não ser um clássico, mas é considerado o primeiro filme de zumbi (longa-metragem). Estrelado por Béla Lugosi que interpreta o Assassino Legendário, ápice do mau vodu que controla um batalhão de zumbis.

A Noite dos Mortos-Vivos (Night Of the Living Dead) de 1968. Filme responsável pelo estopim de lendas com zumbis.

Despertar dos Mortos (Dawn of the Dead) de 1978. Ganhou um remake em 2004 (Madrugada dos Mortos) repleto de críticas negativas. 

- Resident Evil – O Hóspede Maldito (Resident Evil) de 2002. Provavelmente um dos mais conhecidos sobre o gênero e deu origem a mais cinco filmes.

REC de (2007), com direito a remake. Conta a história de um grupo de jornalistas que entra em um prédio interditado com a intenção de fazer bom furo de reportagem, porém, mal se sabe que há um vírus perigoso implantado nas pessoas que lá estão...

• Zumbis no videogame


Wallpaper do jogo Resident Evil 4.

Resident Evil
, também conhecido como Biohazard e (バイオハザード) no Japão. Criado por Shinji Mikami como uma série de jogos de survival horror, iniciada em 1996, com Resident Evil para PlayStation. A franquia de jogos inspirou a criação do filme. Desde então, passou a se incluir também no gênero de ação e já foram vendidas 55 milhões de unidades. 

• Zumbis no anime e mangá


Personagens, ou seja, os "principais guerreiros" do anime/mangá Highschool of the Dead.

Gakuen Mokushiroku – Highschool of the Dead
, mais conhecida como Highschool of the Dead ou pela abreviação H.O.T.D. É uma franquia japonesa que possuí mangá, sua publicação foi 2006 ganhando um anime adaptado em 2010, com apenas 12 episódios.
A história começa quando um grupo de estudantes colegiais, para salvarem suas próprias vidas, passam a ter que lidar com a onda de pessoas que se tornam zumbis.

• Zumbis na série de TV


Elenco do seriado norte-americano de grande sucesso, The Walking Dead. 

The Walking Dead
, originalmente uma história em quadrinhos, publicada em 2003 nos Estados Unidos.
Em 31 de outubro de 2010, estreou nos Estados Unidos a série de TV, registrando recordes de audiência e vem ganhando grande destaque desde então.
A história é centrada em Rick Grimes um oficial de polícia de uma pequena cidade e também acompanha a trajetória de sua família e outros sobreviventes que se unem para se manterem vivos após o mundo ter sido dominado por zumbis.

• Zumbis na música


Provável montagem de Zombie Boy ao lado de Taylor Momsen - caracterizada como "Zombie Girl" -, vocalista da banda The Pretty Reckless.

Eles invadiram também o cenário musical...
Lançado na década de 80, o videoclipe Thriller, de Michael Jackson, foi um sucesso para época e é relembrado até os dias de hoje por causa de toda sua memorável produção e efeitos especiais bastante avançados para a época. Sem ele, não teríamos a oportunidade de ver zumbis dançando.
  
Outros artistas também fizeram questão de “homenageá-los”: The Cranberries – Zombie, música de 1994; The Pretty Reckless – Zombie, de 2009; Natalia Kills – Zombie, de 2011.

• Zumbis na vida real


         

                             Rick Genest, o famoso Zombie Boy.

Rick Genest, mais conhecido como Zombie Boy, é um modelo canadense. Notório por suas tatuagens exuberantes, as quais imitam a figura de um cadáver. Rick ganhou fama após fazer uma participação ao lado de Lady GaGa no videoclipe Born This Way e atualmente faz desfiles, ensaios fotográficos, propagandas, comercias... Enfim, acabou se tornando um ícone da moda e o sonho de consumo de muitas pessoas, pelo seu charme fora do comum. 


Jovens fantasiadas à carater, preparadas para o evento Zombie Walk, em São Paulo

Zombie Walk é uma passeata promovida por um grupo de pessoas que se vestem de zumbis e saem pelas ruas para fazer uma caminhada ou uma corrida. Os participantes organizam uma rota para passar pelos grandes centros urbanos, como parques, praças, shoppings...
A primeira Zombie Walk ocorreu em outubro de 2003, em Toronto, no Canadá.
Agora, são realizadas Zombies Walks em outros diversos lugares do mundo e em grande parte dos estados/cidades brasileiras.

• Zumbis, drogas e o apocalipse




Amostras da nova droga, chamada de Sais de Banho.

Você deve estar se perguntando o que uma coisa tem haver com a outra, não é mesmo?
É que, ao que parece, o apocalipse zumbi já pode estar começando...
O verdadeiro T-vírus, como assim chamam, é uma droga denominada como “Sais de Banho”, que vem causando grande pânico nos Estados Unidos, já que os seus efeitos são drásticos, como: paranoia extrema, alucinações e força incomum. O seu efeito é fortíssimo e seria o mesmo que se você misturasse cocaína, LSD, PCP e ecstasy de uma só vez! É derivada de uma planta africana utilizada como repelente para insetos. Essa droga pode causar palpitações, hemorragias, morte e ataques de canibalismo. (?) Afinal, a crescente onda de ataques canibais, principalmente nos EUA, está ligada ao uso da droga. 




Esta é uma das provas, para alguns, de que o apocalipse zumbi já começou. Inclusive, o governo canadense já fez um livro sobre as medidas para sobreviver a este provável e futuro evento. 
Este cenário hipotético apocalíptico se refere ao momento em que o mundo será completamente infestado por zumbis, exterminando a sociedade humana, onde terá que lutar contra eles se quiser garantir a sua sobrevivência ou ceder, caso queira se tornar um deles.

Fontes
Mundo Estranho
jezebel.uol
Medo B
Wikipedia
Google Imagens
We Heart It 


Texto escrito por Carolina Olgado. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário